Assine nossa Newsletter!
CERTIFICADOS

• Luxury Pass

• Tecnologias

• Traslados Executivos

• Economize

• Sistemas

• Trabalhe Conosco

• Certificações e Prêmios

• Guia Viagem

• Cartão Presente

  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branca ícone do YouTube
CONTATOS
  • Marketing MultiCidades

Momento não exige interrupção de viagens e eventos, diz infectologista

Uma das grandes vantagens da era da informação é a velocidade com a qual as notícias do dia a dia chegam na palma de nossas mãos, na televisão ou através das redes sociais. Porém, com a mesma velocidade com a qual a informação se espalha, a desinformação e sensacionalismo também podem se espalhar.


Com cada vez mais notícias sendo postadas sobre o Coronavírus, mais e mais pessoas têm mudado seus planos de viagem, principalmente se o destino for algum país da Europa como Itália, França ou Espanha.

Imágem: Filip Calixto


De acordo com o infectologista e coordenador do Centro de Gestão do Coronavírus no Estado de São Paulo, David Uip, uma autoridade no assunto, que os passageiros que pretendem viajar em alguns dias ou semanas não mudem seus planos e embarquem normalmente.


“Cabe à Organização Mundial da Saúde, à Organização PanAmericana e ao Ministério da Saúde dar esse tipo de ordem. Nós seguimos as orientações dessas autoridades públicas, e nesse momento não há coibição de ida ou vinda por nenhum meio de transporte, nem via aérea, em via marítima”, esclarece Uip. “Vamos ficar atentos às atualizações desses órgãos, pois confio plenamente no trabalho deles. ” Uip ainda falou sobre o que acontece na China, local de origem do vírus. “Lá é o epicentro do vírus, e não há motivos para correr o risco em um país superpopuloso que está parado por conta do novo Coronavírus. De resto, basta ter bom senso e pode viajar tomando as precauções habituais: proteger a boca e o nariz com um lenço ao espirrar e tossir, descartar o lenço e lavar bem as mãos frequentemente, alimentar-se adequadamente e ter boa hidratação”, completou o ex-secretário estadual da saúde de São Paulo.

Fonte: http://bit.ly/3ayaRdl

7 visualizações